Nova funcionalidade: despesas corporativas em moedas estrangeiras

O lançamento dessa semana está literalmente ultrapassando fronteiras. O Espresso apresenta a sua mais nova funcionalidade: o lançamento de despesas em moedas estrangeiras!

Quer saber como funciona essa novidade? Então leia esse artigo até o final.

Um breve contexto

Atualmente, para uma grande quantidade de empresas, é bastante comum que viagens internacionais sejam realizadas para diferentes objetivos. Negócios, eventos, mudança temporária de país, enfim, são inúmeras as situações que o colaborador precisa ir para o exterior para um trabalho importante.

Pensando nisso, e graças ao feedback de nossos clientes, resolvemos trabalhar para resolver o problema dos gastos corporativos em outras moedas, facilitando as situações que envolvem transações internacionais.

E como funciona?

Com essa atualização, o Espresso passará a exibir a moeda de origem da despesa e, após seleção e confirmação do valor, a plataforma irá realizar a conversão cambial automaticamente, conforme a cotação do dia.

E por falar em cotação do dia, é importante abordarmos duas situações de uso:

1 – Reembolsos baseados na cotação do dia

Nesta situação, o colaborador pagou cada despesa à vista e registrou cada gasto logo em sequência. Sendo assim, o Espresso irá calcular a taxa de conversão da moeda estrangeira daquele dia, para que a empresa faça o reembolso posteriormente.

Veja o exemplo no gif abaixo:

IMPORTANTE: é fundamental que as despesas sejam registradas na data correta para que a cotação do dia seja aplicada ao valor gasto.

2 – Reembolsos baseados em cotações futuras

Em outra situação, o colaborador pagou utilizando um cartão de crédito – pessoal ou corporativo. Com isso, quando a despesa for registrada no Espresso, a cotação daquele dia será utilizada como uma estimativa de valor.

Porém, quando a empresa for reembolsar os valores gastos, será necessário verificar qual a cotação da moeda utilizada no fechamento da fatura, para que o funcionário não perca seu precioso dinheiro graças às variações cambiais.

Por exemplo:

  1. O funcionário teve uma despesa corporativa de $100,00 registrada em 19/01/2017 – utilizando cartão de crédito – com a cotação do dólar em R$3,1959 neste dia;
  2. O valor estimado – neste caso – para reembolso seria de R$319,59 – caso não houvesse alteração cambial;
  3. No fechamento da fatura, em 22/01/2017, observou-se que o valor do Real – em relação ao dólar – sofreu alteração, passando para R$3,2016;
  4. A empresa, então, registra o novo valor cambial no relatório submetido para atualizar os valores a serem reembolsados;
  5. O funcionário recebe o reembolso de R$320,16.

Veja o exemplo dessa situação no gif:

Para ficar ainda mais claro

Caso você não tenha entendido algum passo, criamos um vídeo explicando detalhadamente a funcionalidade e sua utilização. Confira como tudo é bem simples:

Lembrando que a opção para lançamento de despesas corporativas com moedas estrangeiras já está disponível nas plataformas Android e iOS. Não esqueça de atualizar a sua versão do Espresso!

Caso tenha alguma dúvida, não deixe de entrar em contato conosco para resolvê-la. Envie uma mensagem nos comentários ou um e-mail para contato@espresso.com.br. Se você ainda não utiliza o Espresso para melhorar o controle de reembolsos e o lançamento de despesas corporativas, teste a plataforma gratuitamente por 7 dias ou solicite um orçamento sem compromisso.

Até a próxima!